Transformação digital: conheça 5 tendências para a TI em 2018

Colocar a transformação digital em prática na empresa pode ser desafiador. É preciso alinhar pessoas e cultura da empresa em busca de inovação e atualização nos processos.

Por isso, quando uma organização utiliza a tecnologia da informação para otimizar seus processos e aumentar a produtividade e o desempenho das equipes, ela amplia seu mercado de atuação. Dessa forma, obtém resultados e cria um diferencial competitivo para o seu negócio.

Vimos que é preciso estar atento às principais tendências. Para ajudá-lo, elencamos as cinco principais tecnologias que devem se consolidar a partir de 2018. Confira:

1. Edge computing

O cloud computing (ou “computação em nuvem”) já é uma realidade nas organizações. No entanto, essa tecnologia ainda precisa suportar a quantidade de dados interligados vindos de smartphones, sensores, internet das coisas e outros.

Para resolver essa questão, o conceito de edge computing tem ganhado força. Em vez de os dados seguirem diretamente para a nuvem (como é o caso do cloud computing), eles passam primeiro por uma máquina intermediária. O gateway — como é conhecida essa máquina que integra as redes — fica mais próximo, o que acelera o tempo de resposta.

Dessa forma, além de garantir uma performance ainda melhor que o cloud, reduz os custos com infraestrutura e diminui os riscos de queda em virtude do grande volume de dados.

2. Blockchain

Originalmente, o blockchain foi uma ferramenta criada para dar apoio ao bitcoin (moeda virtual), porém a indústria em geral passou a demonstrar grande interesse por essa tecnologia.

Na prática, o blockchain é uma estrutura de dados que funciona como um registro de transação ou uma entrada para contabilidade financeira. Cada processo assinado digitalmente tem como objetivo garantir a autenticidade e não adulteração.

Por isso, várias empresas estão fazendo uso dessa nova tecnologia em transações privadas para assegurar maior credibilidade e confiabilidade.

3. Sistemas operacionais para a Internet das Coisas

A Internet das Coisas (ou IoT, na sigla em inglês) é mais uma revolução tecnológica que basicamente conecta objetos comuns à internet. Por exemplo, eletrodomésticos, carros, metrôs e até calçados.

Assim, os sistemas operacionais para controlar esses objetos precisam ser diferentes dos convencionais. Algumas características desses sistemas são:

  • Baixo footprint (menor consumo de memória RAM, CPU e flash);
  • Melhores opções em conectividade (especialmente em internet sem fio);
  • Modular, seguro e escalável.

4. Aplicativos inteligentes

Também conhecidos como assistentes virtuais pessoais (VPAs), eles são a evolução dos atuais aplicativos. A grande diferença é que realizam funções que um assistente humano faria. Eles trabalham por meio de inteligência artificial.

Atualmente, os aplicativos inteligentes cumprem tarefas simples, como avisar o horário de um compromisso ou recuperar dados na web. Mas a tendência é de crescimento e, num futuro próximo, essas ferramentas serão capazes de realizar funções muito mais complexas.

5. Realidade virtual

A realidade virtual é uma tecnologia que permite a imersão do usuário por meio de uma interface que cria um ambiente virtual desenvolvido por um sistema de computador. A ferramenta é utilizada em óculos e headsets, sendo bastante conhecida no mundo do entretenimento.

Contudo, o projeto de realidade virtual está sendo levado a um novo patamar, com empresas criando mundos onde já é possível até mesmo mexer com os sentidos como o tato. Com certeza, é uma tendência em que vale a pena investir.

Por fim, a transformação digital já é uma realidade, e quem se adaptar melhor com certeza terá grandes vantagens frente aos concorrentes. Já não é mais possível prestar um serviço diferente e personalizado utilizando tecnologias obsoletas, sendo necessário compreender as necessidades e utilizar tecnologias inovadoras.

Gostou do artigo? Tem alguma dúvida ou quer contribuir? Deixe seu comentário abaixo.

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *