8 tendências para a área de Compras ficar atenta

Com a Revolução 4.0, grandes empresas do varejo vêm aprimorando suas operações por meio das tendências para a área de Compras. E essa é uma dinâmica que também deve refletir nas empresas B2B.

Com recursos tecnológicos e inovadores, é possível melhorar o atendimento a clientes e fornecedores, a logística, o controle de prazos e estoque, a administração de contratos e toda a gestão da cadeia de suprimentos.

 

Para isso, é preciso que o setor vá além. Afinal, hoje, é considerado como um elemento estratégico para atingir os objetivos de um negócio.

Confira 8 tendências para a área de Compras que vão tornar sua gestão mais eficiente!

Conheça as principais tendências para o Compras

1. IoT e monitoramento remoto

A intensa conexão, típica da era digital, está se fortalecendo na área de Compras. Nesse contexto, a internet das coisas (IoT) torna-se aliada do setor, possibilitando o monitoramento remoto de fornecedores.

Com a IoT, as informações sobre estoque, logística e transporte podem ser disponibilizadas em tempo real, permitindo ao gestor um maior controle de prazos e entregas.

2. Digitalização e armazenamento em nuvem

Lidar com um grande volume de contratos e documentos financeiro-contábeis exige certas alternativas que otimizam a gestão documental.

Uma solução tem sido a digitalização e o armazenamento em nuvem, uma das tendências para a área de Compras já em uso. A tecnologia facilita a negociação e contratação online de fornecedores, o acesso a registros e a administração de pagamentos.

3. Automatização

Outra tendência que veio para ficar é a automação de tarefas. Por meio de uma ferramenta tecnológica, é possível automatizar processos, definir atividades, evitar gargalos e ter maior dimensão sobre a cadeia de suprimentos.

Além disso, um processo automatizado contribui para o aumento da produtividade das equipes. Também padroniza cada uma das etapas de modo mais transparente, por meio da aplicação clara e objetiva de compliance e políticas internas.

4. Blockchain e smart contracts

Entre as tendências para a área de Compras ainda está a implementação da blockchain nos chamados smart contracts. A tecnologia facilita transações e confere mais segurança aos acordos, podendo ser usada para validar contratos, ordens de compra, pagamentos e demais documentos jurídicos.

5. Ambiente omnichannel

Mais uma tendência para o setor de Compras é a comunicação omnichannel, que disponibiliza e facilita o uso de diversos canais de vendas e relacionamento.

Pensar na experiência de compra do consumidor final é muito útil para que o gestor tome as melhores decisões sobre como manter estoques e fornecedores. Assim, é possível atender às expectativas do cliente quanto ao prazo, custo e qualidade no processo.

Fique de olho nas tendências comportamentais

Além da adesão às tecnologias, o profissional da área de Compras precisa modernizar o seu próprio mindset. Nesse contexto, descubra algumas tendências comportamentais:

6. Visão end to end

Além das atividades básicas, uma tendência é que os profissionais da área de Compras passem a adotar a visão end to end. A ideia é ter uma gestão macroeconômica que não considere apenas uma tarefa específica.

Todos os agentes e as etapas da cadeia de suprimentos, englobando tanto os processos internos quanto externos, devem estar integrados. Inclusive, deve-se buscar não só por economia e eficiência, mas também por valores como sustentabilidade, responsabilidade coletiva e princípios éticos.

7. Ação mais estratégica e menos operacional

Com o aumento da importância da área de Compras nas empresas, a tendência é que ela se torne cada vez mais estratégica e menos operacional. Assim, o responsável pelo setor terá participação ativa no planejamento e nas tomadas de decisão do negócio, influenciando diretamente nos seus resultados.

Com conceitos como procurement, os líderes da gestão de Compras devem ir além da aquisição de recursos. É preciso buscar especializações e se preparar para o suporte em finanças, a mitigação de riscos, a consultoria, o agente de relacionamentos e a liderança.

8. Perfil colaborativo

O bom relacionamento com fornecedores tem se mostrado um forte diferencial na gestão de Compras. Nesse sentido, a tendência é que o gestor e seus fornecedores tenham uma relação mais próxima, colaborativa e atenciosa.

Assim, é possível construir metas alinhadas, obrigações bem definidas e buscar, juntos, por resultados, eficiência e qualidade.

Como você viu, a área de Compras está passando por um acelerado processo de mudança. Inovar é crucial para trazer mais agilidade e otimização às operações do setor.

Lembre-se de que, ao ficar por dentro das tendências para a área de Compras, você deve manter uma busca constante por soluções que auxiliem em sua gestão.

Quer se manter sempre atualizado? Então, assine nossa newsletter e receba conteúdos em primeira mão para tornar sua atividade mais competente!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *