Os impactos da Quarta Revolução Industrial nos negócios

Você com certeza já ouviu o termo em algum lugar. Basta acessar o noticiário voltado à tecnologia para perceber que tendências e informações relacionadas à Quarta Revolução Industrial (ou Indústria 4.0) estão em alta.

Mas você sabe o que significa esse conceito e como ele impacta o seu negócio?

A Quarta Revolução Industrial se iniciou na Alemanha, no começo dos anos 2000. Esse momento destaca, em especial, uma alteração geral no formato de trabalho das empresas, em uma união entre processos, maquinários e sistemas de gestão — tudo com o uso da internet e de soluções baseadas nela.

Diferentemente das outras revoluções do setor, quando a manufatura deu lugar a maquinários para aumentar a produção, aqui a principal mudança é o uso de tecnologia nos processos. Mais do que uma máquina que agilize a rotina, os destaques agora são soluções, estudos e projetos ligados às áreas de ciência e tecnologia.

O potencial da Quarta Revolução Industrial

Só na Alemanha, de acordo com o Boston Consulting Group, as mudanças da Quarta Revolução Industrial devem trazer um grande impacto na economia:

  • O aumento na produtividade da manufatura poderá alcançar de €90 bilhões a €150 bilhões, dependendo do setor industrial.
  • Crescimento de receita em €30 bilhões por ano, o equivalente a 1% do PIB do país.
  • Maior necessidade de mão de obra qualificada. O crescimento industrial alemão criará cerca de 390 mil empregos nos próximos 10 anos, principalmente nos setores de engenharia mecânica, desenvolvimento de softwares e TI.
  • Investimentos de aproximadamente €250 bilhões nos próximos 10 anos para adaptar os processos de produção.

Neste contexto, é importante pensar em como a sua empresa está se preparando para continuar competitiva em um mercado que cada vez mais investe em tecnologia. Abaixo, você confere algumas questões que estão presentes também nas indústrias brasileiras, em variados segmentos de atuação.

As novas tecnologias na prática

Veja duas das tecnologias super atuais na Quarta Revolução Industrial e como utilizá-las no seu negócio:

Internet of Things (IoT)

O termo Internet of Things (IoT) também é conhecido como Internet das Coisas. Ele diz respeito exatamente ao que o seu nome evidencia: o uso da conexão web aplicada a equipamentos diversos para captação de dados.

Um exemplo disso seria um sensor integrado a um maquinário, que aponta o grau de efetividade na produção. Ou então um sistema que registra paradas da estrutura e dos equipamentos, além de relatar seu desempenho, sua vulnerabilidade e eventuais necessidades de manutenção.

Especialmente em empresas de grande porte, os dados coletados através da IoT trazem um panorama real e confiável sobre o processo de produção. Eles são um grande aliado, por exemplo, na melhoria do fluxo de produção e até mesmo na alteração estrutural do espaço, dos produtos e dos maquinários.

Na Teclógica, esta tecnologia está presente em processos de infraestrutura de TI. Por meio deles, empresas de diferentes áreas de atuação aplicam sistemas integrados que atuam desde o chão de fábrica até os mais altos níveis de gestão.

Para o desenvolvimento de um projeto, nossas equipes realizam uma análise profunda do modo de trabalho do cliente.

A tecnologia unida ao conhecimento da realidade do negócio permite a aplicação de melhorias com resultados de curto, médio e longo prazo.

Cloud Computing

O conceito de cloud computing nada mais é do que abrir mão de altos investimentos em infraestrutura de TI e hospedar suas informações na nuvem. Elas passam a ser acessadas no ambiente web, de qualquer local ou aparelho — mesmo os móveis —, a partir de login e senha.

Na Quarta Revolução Industrial, essa talvez seja a primeira e fundamental funcionalidade para a transformação dos processos. Quem investe em computação em nuvem tem a possibilidade de controlar melhor a informação sem ter que concentrar na sua operação os serviços de manutenção, armazenagem e controle de sistemas.

Com o auxílio de parceiros qualificados, é possível garantir o funcionamento do ambiente de TI com integração de informações, facilidade de acesso, segurança e disponibilidade. Marcas globais, como a Google, por exemplo, oferecem o serviço de hospedagem em nuvem por meio de parcerias com empresas de tecnologia.

Benefícios que a Indústria 4.0 proporciona

Otimização da operação

Menos pessoas irão atuar na área operacional, e as que estiverem ligadas ao setor ganham em qualidade de vida. Maquinários mais eficientes e sistemas de controle apoiarão a rotina.

As empresas passam a contar com um fluxo eficaz de trabalho e equipes mais qualificadas. Elas estarão focadas em processos estratégicos, deixando o operacional para as máquinas.

Indicadores de eficiência

A tecnologia aplicada aos processos de produção possibilita à direção da empresa contar com dados que serão essenciais para a aplicação de indicadores.

Índices de eficiência de produção, de segurança, de custo por determinada tarefa, entre outros, ajudarão na tomada de decisões para a melhoria da operação.

Mudança que vai da cultura aos processos

Mais do que um novo sistema de gestão, a Indústria 4.0 causa uma verdadeira revolução no modus operandi das companhias. Ela impacta a cultura das pessoas, os processos de trabalho e até mesmo a visão estratégica.

As equipes passam a entender que a qualificação é um diferencial para o crescimento delas no mercado de trabalho e que a eficiência está mais ligada às estratégias do que à quantidade de produção operacional.

Compliance

A tecnologia é uma forte aliada para que todos os processos de uma empresa estejam de acordo com as normas — ou seja, que apliquem o compliance. Para isso, é preciso contar com informações atualizadas e confiáveis, o que sistemas de gestão integrados garantem aos negócios.

Quando a tecnologia é aplicada corretamente, a gerência tem em mãos uma ferramenta eficaz para alterar formatos de trabalho em desacordo, dando mais qualidade aos processos e garantindo uma atuação eficaz.

Quer saber como a tecnologia pode trazer mais produtividade e segurança para sua empresa? Conheça nossas soluções!

 

Escrito por: Aloisio Arbegaus — Gerente de Serviços da Teclógica

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *