Entenda o que é storytelling e como usá-lo para alavancar seu negócio

Quantas histórias você lembra de ter ouvido na sua vida? Com certeza, algumas delas construíram lembranças especialmente importantes. E que tal usar o poder de uma boa história para alavancar os negócios? É exatamente este o objetivo do storytelling.

Mais do que transmitir pensamentos, esta técnica pode ajudar empresas a se conectarem com seus possíveis clientes. Descubra como, a seguir!

Afinal, o que é storytelling e qual o seu poder?

O psicólogo Jerome Bruner, que lecionou nas universidades de Harvard e Oxford, estudou o poder que há por trás de uma boa história. Segundo ele, as chances de lembrarmos algo que foi contado através deste mecanismo pode ser 22 vezes maior do que quando apenas recebemos uma mensagem. Incrível, não é mesmo?

Entenda o que é storytelling e como usá-lo para alavancar seu negócio

Com tantas informações disponíveis por aí, o storytelling é a chave para você se destacar perante os usuários. Coloque-se no lugar do cliente: quantas vezes seu olhar para quando vê alguém contando uma história interessante, que te prende e/ou chama a sua atenção?

Por isso a importância de aplicar o storytelling. É ele que permite uma conexão emocional e pessoal com o público, inspirando a ação com a marca.

Dicas e estratégias para aplicar o storytelling

São várias as maneiras como você pode estruturar e conduzir uma boa história. Uma das mais conhecidas estratégias é denominada Jornada do Herói (ou monomito), apresentada por Joseph Campbell em 1949. Ele percebeu que havia um padrão de narrativa, começando pelo fato de que quaisquer acontecimentos giram em torno do protagonista.

Entre os demais fatores que marcam presença, destaca-se também a fase dos problemas, a preparação para as grandes mudanças e a superação de desafios. No final, o herói do conto retorna à sua vida e inspira outras pessoas com sua brava atuação.

Todavia, ainda é preciso levar em conta outras estratégias. Saiba quais:

Entenda o que é storytelling e como usá-lo para alavancar seu negócio

1. Tenha uma mensagem única e honesta

Crie histórias direcionadas para o seu público-alvo e que busquem envolvê-lo. Sabe quando a gente pensa “parece que está falando comigo”? É por aí o caminho!

Você pode também usar cases de sucesso dos seus próprios clientes. Afinal, ninguém melhor do que as pessoas que já desfrutam da sua solução para falar sobre o potencial oferecido.

2. Precisa ter começo, meio e fim

Essa dica pode parecer óbvia. Porém, é necessário elaborar com precisão todas as fases.

Quantas vezes começamos a ouvir uma história e nos perdemos antes mesmo de chegar até a metade? Capture a atenção desde o início e tenha um desfecho poderoso para ficar na memória do seu leitor.

3. Conte com elementos visuais

As palavras têm poder. Entretanto, as imagens também possuem sua parcela de relevância ao transmitir histórias.

Cerca de 90% da informação captada por nossos cérebros é visual, e nós processamos imagens 60 mil vezes mais rápido do que podemos processar texto.

Use todos os recursos visuais possíveis em sua campanha de storytelling, como fotografias, gifs e vídeos. Um bom exemplo do quanto as pessoas gostam de ouvir experiências são os vlogs. Alguns destes contabilizam milhões de seguidores!

Lembrando que qualquer meio pode ser utilizado para contar uma história: blog, canais sociais e multimídia. Cada meio provoca uma reação diferente em seu público, para isso também será preciso entender o seu público-alvo e o ambiente em que essa mensagem será exibida.

Entenda o que é storytelling e como usá-lo para alavancar seu negócio

Portanto, mais do que conquistar pessoas, o storytelling é uma ferramenta moderna e eficiente para alavancar o seu negócio. Sendo assim, invista em personagens com os quais sua persona irá se identificar.

Evite criar situações irreais. Os usuários tendem a demonstrar simpatia por assuntos que ocorrem na vida deles também. Monte uma boa estratégia e fixe sua marca no lugar mais importante: a memória do seu cliente!

Gostou deste artigo? Talvez você fique interessado(a) em conhecer formas de comunicação mercadológica e como aplicá-las na gestão de sua empresa. Até a próxima!

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *