Manufatura 4.0: Como introduzir a estratégia de produção ideal para a sua empresa?

Uma boa estratégia de produção através da Manufatura 4.0 tornou-se essencial para a competitividade e a preservação dos negócios. Em um mundo globalizado e de rápido desenvolvimento, não estar atento ao melhor formato produtivo, unindo tecnologia e gestão, pode significar o fim da empresa.

Portanto, é preciso estar em constante evolução para que a sua indústria ingresse – e permaneça – na era da manufatura 4.0. Neste artigo vamos falar sobre estratégias de produção e como adotar a mais assertiva na rotina da empresa. Confira a seguir.

O Lean Manufacturing na Manufatura 4.0

Com certeza você já ouviu falar do Lean Manufacturing e talvez a sua empresa até já o adote. Essa filosofia propõe uma mudança de cultura que visa a melhoria contínua dos processos, com redução de desperdício e entregas com qualidade. É uma proposta que busca a evolução constante e um importante apoio para a definição da estratégia de produção ideal.

Na Manufatura 4.0, o diferencial é que esta filosofia não é aplicada apenas na gestão, mas também levada em consideração para a adoção de soluções de transformação digital. Portanto, se na sua indústria o Lean já faz parte dos processos, será mais fácil incluir sistemas operacionais para ampliar a produtividade e a melhoria contínua. Neste caso, já haverá um mapeamento mais claro de processos em uma cultura já voltada à eficiência.

Este é um importante e fundamental investimento na busca pela sua estratégia de produção assertiva: unir tecnologia com a operação garantirá à fábrica automação de processos a fim de reduzir o tempo das entregas sem abrir mão da qualidade produtiva.

A tecnologia visa garantir ainda mais segurança na rotina dos processos e a certeza da aplicação de dados para a tomada de decisão favorável ao crescimento. Afinal, assertividade está diretamente ligada à análise correta daquilo que foi feito, com base em dados sólidos e de fácil alcance.

Mapeando processos para a produção ideal

A particularidade de uma fábrica pode estar ligada ao que produz, o local em que está ou mesmo a rotina de relacionamento com fornecedores e mercados. Tornar a produção eficiente significa entender cada um destes aspectos.

Por isso, dentro da Manufatura 4.0, definir o melhor processo produtivo está ligado à análise de informações. Aqui destacamos as vantagens desta análise em médio e longo prazo:

  • Detecção de erros: quanto mais cedo inconsistências do processo produtivo forem detectadas, mais cedo a produtividade poderá ser corrigida. Aqui entram questões estruturais, como a própria disposição da linha de produção, que com ajustes pode reduzir o tempo entre um processo e outro. E ainda questões ligadas à distribuição de insumos, tempo de parada para manutenções preventivas e outras questões. Encontrar o modelo ideal através da tecnologia para coleta e gestão de dados é a forma mais eficiente de atuação neste sentido.
  • Ajustes contínuos: conforme prega a metodologia Lean, a melhoria deve ser contínua, o que é bastante comum na era da Manufatura 4.0. Esta é outra vantagem para o aumento da produtividade e da consequente competitividade de mercado.
  • Antecipação de cenário: em 2020 o mundo todo se viu imerso em uma crise global por conta de uma pandemia. O cenário pode até ser incerto, mas a antecipação de ações através da análise de dados da produção e os ajustes através de soluções de transformação digital darão à indústria já adepta da Manufatura 4.0 uma vantagem na manutenção e retomada das atividades. Quando a economia voltar a aquecer, cresce com ela quem estiver mais preparado e com uma rotina produtiva adequada para suportar altos volumes de pedidos.
  • Entregas eficientes: quanto mais ágil for a produção, mais solicitada será a indústria pelos seus clientes. Toda empresa busca fornecedores que sejam confiáveis e que respeitem prazos para garantir a continuidade produtiva. Quando a gestão utiliza dados através de um sistema para Manufatura, consegue ser mais eloquente em vários pontos para ajustes necessários à estratégia de produção.

As soluções para ingressar na era da Manufatura 4.0

Como destacamos acima, não há como definir uma estratégia de produção ideal sem a união de gestão e tecnologia. As indústrias da era 4.0 já são realidade em todo o mundo e imprimem um forte ritmo de competitividade e crescimento. Acompanhar o novo mercado e manter-se neste cenário depende de investimentos em soluções focadas para a sua necessidade de mercado.

Neste panorama surgem sistemas que englobam características específicas para a otimização da indústria e que potencializam tanto o planejamento quanto a execução da produção. É o caso do Delmia Ortems, desenvolvido pela companhia francesa líder global em tecnologias para a indústria, Dassault Systèmes, e comercializado na América Latina pela Teclógica. Para se ter uma ideia, com esta solução uma fábrica realiza o planejamento da produção de um ano inteiro de trabalho em 30 minutos.

Outra importante ferramenta para a gestão eficiente da operação é a plataforma MES (Manufacturing Execution Systems), como o Delmia Apriso. Com ela, toda a produção é gerenciada em um mesmo ambiente, o que garante visibilidade sobre os processos e rastreabilidade da produção. Há, com este tipo de tecnologia, uma consolidação do processo, o que garante a implantação de boas práticas na planta fabril.

Para saber mais sobre estes tipos de tecnologias e a aplicabilidade das soluções de gestão da produção no seu negócio, fale com nossos especialistas e garanta a melhor estratégia de produção para a sua empresa.

Assinado por: Aloisio Arbegaus – Diretor Comercial da Teclógica

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *